ícon pesquisar

Comportamentos Autolesivos e a Prevenção do Suicídio

Inscreva-se já

€50,00

Resumo

Conheça os factores de risco e protectores, bem como os sinais de alarme que lhe permitam detectar situações de suícidio ou de tentativa de suicídio.

Objectivo Geral

Prevenir o suicídio, através da identificação dos factores de risco, dos factores protectores, bem como dos sinais de alarme e do conjunto de atitudes que se devem ter e não ter, quando confrontados com alguém que apresenta diferentes graus de risco de cometer suicídio.

Competências a Desenvolver

  • Construir uma definição de suicídio
  • Conhecer os dados estatísticos relativos ao suicídio, reflectindo sobre os mesmos, relativamente aos possíveis factores que podem estar na sua origem
  • Conhecer as diferentes abordagens ao suicídio
  • Identificar a diferença entre ideação suicida, tentativa de suicídio e suicídio
  • Listar os factores de risco de suicídio
  • Listar os factores protectores que promovem a diminuição do risco de suicídio
  • Identificar situações de risco de suicídio
  • Conhecer outras patologias psicológicas associadas ao suicídio
  • Identificar as generalidades e os principais sintomas de outras perturbações psicológicas associadas ao suicídio
  • Reconhecer os sinais de alarme
  • Reconhecer a importância da prevenção do suicídio
  • Ajudar a pessoa em risco de suicídio: as estratégias de comunicação (como comunicar, e o que não dizer) e como abordar a pessoa
  • Reconhecer as mensagens directas e indirectas da pessoa que ameaça suicídio, para identificar o grau de risco e actuar a tempo
  • Reconhecer a importância da família, da escola e do médico de família para prevenção do suicídio
  • Caracterizar o papel do humanismo nos diferentes contextos
  • Listar as principais características do humanismo
  • Enumerar as atitudes que se deve ter com a pessoa que ameaça suicidar-se de acordo com a teoria humanista
  • Identificar as situações familiares que podem aumentar o risco de suicídio
  • Descrever o impacto que o suicídio tem numa família
  • Listar comportamentos e medidas adequadas ao estabelecimento de uma boa relação pedagógica para prevenir o suicídio

Destinatários

Este curso destina-se a todas as pessoas directa ou indirectamente afectadas por riscos de suicídio, professores a partir do ensino secundário e universitário, médicos, enfermeiros, estudantes de psicologia,  enfermagem ou medicina.

Aplicações Práticas

Este curso permite-lhe identificar os comportamentos, sinais de alarme, as estratégias e as atitudes que se devem ter e não ter quando confrontado com alguém que apresenta diferentes graus de risco de cometer suicídio.

Programa

1. O que é o Suicídio?

  • Definições do Conceito de Suicídio
  • Definição do Conceito de Suicídio por Émile Durkheim
  • Outros Autores que Definiram o Conceito de Suicídio

2. Dados Estatísticos do Suicídio  

3. Abordagens Teóricas do Suicídio

  • Abordagem Sociológica do Suicídio (Evolução, Causas e Autores)
  • Abordagem Psicanalítica do Suicídio (Freud, Melanie Klein e outros)
  • Abordagem Psicanalítica de Gregory Zilboorg Sobre o Suicídio
  • Abordagem Psicanalítica de Herbert Hendin Sobre o Suicídio
  • Abordagens Neo-Freudianas do Suicídio
  • Abordagem Fenomenológica do Suicídio (Heidegger e outros)
  • Abordagem Comportamental do Suicídio
  • Abordagem Cognitivista do Suicídio

4. Ideação Suicida, Tentativas de Suicídio, Comportamentos Suicidas e Formas de Suicídio

  • Definição do Conceito de Suicídio
  • Definição do Conceito de ComportamentoSuicida
  • Diferença e Semelhança entre Ideação Suicida e Intenção Suicida
  • Definição do Conceito de Parasuicidio
  • Factores de Risco para Ideação Suicida
  • Definição do Conceito de Tentativa de Suicídio
  • Definição do Conceito de Automutilação
  • Objectivos dos Comportamentos de Automutilação
  • Factores de Risco para Comportamentos de Automutilação na Adolescência
  • Tentativas de Suicídio
  • Métodos mais Utilizados de Suicídio

5. Factores de Risco e Factores Protectores

  • Factores Protectores Internos da Pessoa
  • Factores Protectores Externos que Pertencem à Pessoa
  • Factores de Risco e Factores de Protecção

6. Suicídio e Outras Patologias Associadas ou Desencadeadoras

  • Prevalências e Incidências
  • Esquizofrenia – Definição
  • Subtipos de Esquizofrenia e Características Gerais
  • Perturbações e Características Associadas
  • Perturbações Psicóticas que Podem ser Factores de Risco para Suicídio
  • Perturbação Depressiva Major: Evolução, Padrão Familiar, Episódio Depressivo Major e Perturbação Distímica
  • Perturbações Bipolares: Perturbação Bipolar 1, Perturbação Bipolar 2 (Episódios depressivos major recorrentes com episódios hipomaníacos), Perturbação Ciclotímica e Outras Perturbações de Humor
  • Abuso de Substâncias

7. Sinais de Alarme

  • Quem é o Suicida?
  • Será que a Pessoa Quer Sempre Suicidar-se na Realidade?
  • Como Podemos Perceber se Alguém está a pedir ajuda, ou ameaça Suicídio?
  • Frases às Quais Devemos estar Atentos
  • Atenção 
  • O que Estimula a Ideação, Tentativa ou Actos Suicidas?

8. Prevenção/Intervenção

  • Definição do Conceito de Prevenção
  • Tipos de Prevenção  
  • Ideias Sobre o Suicídio que Levam ao Erro e a Condutas que Não Ajudam a Pessoa em Sofrimento
  • Como Ajudar a Pessoa sob Risco de Suicídio?
  • O que Não Deve Fazer perante uma Pessoa em Risco de Suicídio
  • O que os Professores Podem Fazer

9. A Relação Humana e o Suicídio 

  • Definição do Conceito de Família
  • A Importância da Família - As Funções da Família
  • A Influência e o Papel dos Pais para a Criança
  • Tipos de Famílias que Constituem Risco de Suicídio
  • O Impacto do Suicídio na Família
  • A Escola, o Professor e o Suicídio
  • O Humanismo nos Diferentes Contextos Extra-Familiares em que a Criança se Insere

Funcionamento

  • Este curso tem apoio do formador, que esclarecerá as suas dúvidas através de um fórum de discussão, onde poderá colocar as suas questões a qualquer momento durante a duração do curso.
  • O curso encontra-se estruturado em aulas, que estão num formato cumpridor dos standards internacionais de e-learning.
  • Cada aula tem uma duração média estimada de 2 horas.
  • Pode aceder às aulas a qualquer hora do dia ou da noite, bem como fins-de-semana e feriados, em função da sua disponibilidade e disposição, tendo apenas a restrição de ter de terminar o curso até ao último dia de formação.
  • As aulas são disponibilizadas na sua Área de Membro de 2 em 2 dias, podendo frequentar cada aula desde o dia em que é disponibilizada até ao último dia de formação. O curso só termina 5 dias depois de ser disponibilizada a última aula.
  • Pode ainda interromper uma aula a qualquer momento e recomeçá-la mais tarde, podendo frequentar cada aula quantas vezes desejar.
  • No final de cada aula tem a possibilidade de efectuar o download de alguns materiais de formação para gravar no seu computador ou imprimir.
  • No final do curso receberá um Certificado de Formação Profissional caso frequente pelo menos 80% das aulas, realize os trabalhos e os testes propostos, participe nas discussões online e tenha avaliação final positiva.

Requisitos

  • Para frequentar este curso é necessário ter acesso a um computador ou um tablet com ligação à Internet e um browser (programa para navegar na web), como o Chrome, Safari, Firefox ou Internet Explorer.
  • Pode aceder ao curso a partir de qualquer computador (por exemplo, em casa e no escritório), tablet ou smartphone. 
  • Não necessita de instalar quaisquer programas no seu computador para poder aceder ao curso.
  • Este curso não exige qualquer conhecimento prévio do tema.

Inscreva-se já